Mundos distantes, eleições e o país do eterno retrocesso

Sempre achei muito irônico e paradoxal que o país do carnaval e da boemia, que retrata uma vida noturna, a bebedeira e a situação tragicômica das relações amorosas, se travestir a luz do dia em um pilar de moralidade em defesa dos bons costumes

Ler mais
pt_BRPortuguese
pt_BRPortuguese