Olá, me chamo CBN.

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
tiago-zamponi-colunista-sechat
Tiago é advogado e há seis anos mudou para o Canada, onde também se graduou em marketing. Atualmente, ele trabalha com desenvolvimento de negócios, estratégia e planejamento de projetos para a Hexo Cop., uma grande empresa canadense no ramo da cannabis. (Créditos da imagem: Arquivo pessoal)

Coluna de Tiago Zamponi

Você provavelmente já ouviu falar muito em THC e CBD. Além desses dois cannabinoides, mais de 100 outros já foram identificados na planta de cannabis.

 Mas hoje eu gostaria de falar do CBN (canabinol). O CBN é um dos muitos compostos químicos presentes nas plantas de cannabis e cânhamo e que não deve ser confundido com canabidiol (CBD) ou cannabigerol (CBG). O CBN está rapidamente ganhando atenção por seus potenciais benefícios à saúde.  

>>> Participe do grupo do Sechat no WHATSAPP e receba primeiro as notícias

Fato interessante é que muito tempo atrás pensavam que o CBN era o responsável pelo efeito “high”, o que mais tarde foi descoberto que o THC é na verdade o canabinóide que produz esses efeitos. Não e só isso!  O CBN é na verdade um subproduto do conteúdo de THC, produzido quando o THC se oxida. Basicamente, como o THC é exposto ao calor e à luz, ele se decompõe em CBN.

Fórmula do CBN (Créditos da imagem: Lightfield Studios)

Assim, o nível de CBN encontrado em uma flor de cannabis não é determinado por fatores genéticos, mas sim por fatores ambientais. Numa analogia, é igual ao vinho que precisa entrar em contato com o oxigênio para liberar o aroma e sabor. Nesse sentido se você realmente deseja consumir altos níveis de CBN, a melhor maneira de obtê-lo seria simplesmente permitir que o THC da planta oxide.

Mas quais são os potenciais benefícios do CBN? De acordo com um estudo publicado no British journal of Pharmacology se descobriu que o THC em combinação com CBN pode produzir efeito sedativo maior, tendo potencial para o tratamento de insônia. E, pode ser por isso que produtos de cannabis mais antigos ou aqueles expostos a muito calor e luz solar, como haxixe marroquino, produzem efeitos relaxantes mais pronunciados do que outras formas da cannabis.

>>> Participe do grupo do Sechat no TELEGRAM e receba primeiro as notícias

Os pesquisadores também descobriram que o CBN apresenta propriedades anti-inflamatórias e anticonvulsivas, mesmo quando consumido sozinho. Da mesma forma, o CBN também pode atuar como um estimulante do apetite e pode atuar como um analgésico quando combinado com o CBD.

Não para por ai! Um estudo de 2019 descobriu que tanto o CBD quanto o CBN foram capazes de reduzir a dor. Uma combinação de CBN e CBD foi ainda mais eficaz do que qualquer um deles isoladamente. 

Importante destacar que a dor é o principal motivo de licenças médicas, aposentadorias, compensações trabalhistas e baixa produtividade, conforme relatado pelo Ministério da Saúde do Brasil e que de acordo com a Sociedade Brasileira para Estudo da dor, 37% da população sofre de dor crônica, o que já demonstra o potencial do mercado para produtos derivados da cannabis.

>>> Inscreva-se em nossa NEWSLETTER e receba a informação confiável do Sechat sobre Cannabis Medicinal

Outro estudo, de 2018, demonstrou o potencial antibacteriano do CBN contra bactérias MRSA que são resistentes aos antibióticos tradicionais. Quem sabe no futuro próximo poderemos ver o CBN sendo usado para combater infecções bacterianas que nossos antibióticos usuais não podem curar e de uma forma muito menos danosa para o nosso organismo?

E mais, o CBN reduz a pressão intraocular (semelhante ao D9THC), podendo ser usado no tratamento do Glaucoma sem os efeitos psicoativos do THC, além de combater os radicais livres na corrente sanguínea e tendo um desempenho semelhante do THC nos tratamentos de redução da dor. Assim, percebe-se que os canabinoides tem muito mais eficácia quando utilizados juntos do que isoladamente.   

Poderia ficar aqui elencando milhares de outros estudos sobre os benefícios do CBN e dos outros canabinoides, mas o que realmente gostaria de destacar é que o CBN se apresenta também como um forte agente no tratamento de várias doenças assim como o CBD, o THC, o CBG e outros canabinoides.

Tiago Zamponi é advogado, gestor em marketing, trabalha com desenvolvimento de negócios, estratégia e planejamento de projetos e, atualmente, também é colunista do Sechat.

As opiniões veiculadas nesse artigo são pessoais e não correspondem, necessariamente, à posição do Sechat.

VEJA TAMB´ÉM:

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

ASSINE NOSSA NEWSLETTER PARA RECEBER AS NOVIDADES

ASSINE NOSSA NEWSLETTER
pt_BRPortuguese
pt_BRPortuguese