Conselho Regional de Medicina Veterinária de SP cria grupo de pesquisa em cannabis medicinal

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
(Foto: Pixabay/RR_Medicinals)

Por João R. Negromonte com informações de CRMV-SP

Na última terça feira (22), o Conselho Regional de Medicina Veterinária de SP (CRMV-SP), em uma decisão inédita, criou um grupo de trabalho para discutir os benefícios do uso medicinal da cannabis em animais, pretendendo assim, se apoiar em pesquisas mais robustas que garantam o respaldo legislativo que profissionais da área tanto necessitam para prescrever esses medicamentos sem nenhuma preocupação.  

>>> Participe do grupo do Sechat no WHATSAPP e receba primeiro as notícias  

Mesmo sem uma regulamentação abrangente sobre o uso veterinário da cannabis, diversos estudos relatam a relevância de alguns canabinóides no tratamento de inúmeras doenças relacionadas com a terapêutica de alguns animais.

“Essa é uma realidade cada vez mais presente na prática clínica, especialmente em tratamentos para patologias degenerativas que geram dores crônicas e condições neurológicas refratárias a medicamentos convencionais,” explica Talita Thomaz Nader, presidente do grupo de trabalho do conselho.

A urgência do caso acontece devido a falta de respaldo legal de profissionais capacitados para administrar esses medicamentos nos animais, visto que hoje em dia os próprios tutores realizam essa administração.

>>> Participe do grupo do Sechat no TELEGRAM e receba primeiro as notícias

Já para o presidente do conselho, Odemilson Donizete Mossero “O objetivo da criação do grupo é nos aprofundarmos e analisarmos o tema, que é atual e bastante demandado ao Conselho. Precisamos ter um posicionamento consolidado para encaminharmos propostas ao Ministério da Agricultura e Abastecimento (Mapa) e ao Conselho Federal de Medicina Veterinária (CFMV) como apoio para a futura regulamentação sobre a questão.” 

Falta regulamentação

Está em tramitação na Câmara dos deputados, o Projeto de Lei 369/21, que pode permitir que médicos veterinários utilizem derivados da cannabis para fins medicinais em seus pacientes. O objetivo do PL é garantir que pesquisas sejam feitas para, assim como nos humanos, verificar a eficácia desses componentes para os animais.

Uma possível aprovação deste projeto preencheria uma lacuna que existe hoje em dia, amparando através de lei, que os veterinários receitem tais medicamentos sem receio ou retaliação por parte do governo ou da justiça. 

>>> Inscreva-se em nossa NEWSLETTER e receba a informação confiável do Sechat sobre Cannabis Medicinal 

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

ASSINE NOSSA NEWSLETTER PARA RECEBER AS NOVIDADES

ASSINE NOSSA NEWSLETTER
pt_BRPortuguese
pt_BRPortuguese